Seja bem-vindo ao nosso blog.

HFO: Tudo que você precisa saber sobre o novo tipo de fluido refrigerante

Você já ouviu falar dos fluidos refrigerantes HFO? Também conhecidos como Hidrofluorolefina, esses novos fluidos refrigerantes foram criados pra substituir HFCs, ou hidrofluorcarbonos em sistemas de refrigeração comercial, industrial e até residencial. Adotados por empresas no mundo inteiro, os HFOs ganharam popularidade também no mercado brasileiro. Mas, afinal, por que os HFCs precisam ser substituídos? Como trabalhar com HFOs? Se você quer saber a resposta para essas e outras perguntas, continue com a gente.

Por que o HFO é inovador?

Desde que foi assinado o Protocolo de Montreal, fluidos refrigerantes que ameaçam a camada de ozônio ou apresentam alto potencial de aquecimento global, também conhecido como GWP, devem ser substituídos por opções menos nocivas. HFCs são fluidos bastante populares, designados para substituir os antigos HCFCs. Apesar de não danificarem a camada de ozônio, HFCs possuem um alto potencial de aquecimento global. Já os HFOs, não. É por isso que eles foram criados, para substituir os hidrofluorcarbonos mais populares, como o R134a, R404A (ou R507A) e R410A. 

Por que o HFO é melhor para o ambiente?

Fluidos Refrigerantes HFO têm moléculas de carbono em uma construção diferenciada que encurtam sua durabilidade quando lançado na atmosfera. É por isso que esse tipo de fluido refrigerante tem seu impacto negativo bastante reduzido.

Quais são os fluidos à base de hidrofluorolefina? 

  • R-1234yf é um fluido refrigerante utilizado na substituição do R134A em sistemas de refrigeração automotivos. Atualmente ele é bastante usado na Europa e nos Estados Unidos.
  • R449A foi desenvolvido para substituir o R404A. Esse fluido, que é uma mistura entre o R32, R125, R1234yf e R134a, tem se tornado comum em supermercados que buscam um refrigerante de baixo efeito climático e melhor performance.

Quais as vantagens do Retrofit para HFO?

O processo de Retrofrit é a substituição do fluido refrigerante usado em um determinado sistema por outro compatível, mais eficiente. Esse é um processo de atualização que permite que o sistema funcione de maneira mais eficiente, economizando energia e diminuindo seu impacto negativo no meio ambiente.

Se você não sabe quais são os processos para realizar um retrofit eficiente, nós te explicaremos o passo a passo. Basta clicar aqui. 

Você já trabalhou com sistemas de refrigeração que usam HFO? Se você quer saber mais sobre fluidos refrigerantes, você precisa ler esses textos: 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Compartilhe